29 de setembro de 2016

dormem

dormem juntos
finalmente
a menina e o ouriço
enrolados numa bola
no casulo cor de laranja
quentes no corpo e na alma
um só coração

28 de setembro de 2016

a menina

a menina, 
encolhida no escuro
sombria na alma e no corpo,
mantinha-se alerta
rasgada de raiva 
e esgotada de tristeza,
a menina,
naquele canto,
sofria de amor

in "o tigre e outras marés"

25 de setembro de 2016

fogo líquido

arcos de fogo líquido
entrelaçados entre mim e ti
labaredas em fusão silenciosa

respirar

in "em terra"

23 de setembro de 2016

alma

olho para os teus olhos
de olhos fechados
e vejo dentro da alma
a cor da tua.
é rosa-encarnado-laranja
da cor da minha.

22 de setembro de 2016

16 de setembro de 2016

na lua do meu corpo

encontra-me na lua do teu corpo
na sede de te encontrar
em momentos infindos
na lua do meu

8 de setembro de 2016

fecha os olhos

fecha os olhos
sente
o respirar da pele
em nuvens de calor
e ondas perfumadas
fecha os olhos
e olha-me com os dedos

1 de setembro de 2016

cuida-me

chega de mansinho
e cuida-me
toca-me com o olhar
dedos leves
pele morna
cuida-me
e faço-te voar